Só tenho uma palavra para definir a contabilização dos votos nas eleições na Argentina, que aconteceram no final de semana: SUCESSO!

A Argentina, que foi em peso às urnas no domingo, 27, processou seus resultados eleitorais em tempo recorde graças ao novo sistema implementado pelas autoridades em conjunto com a Smartmatic

Apenas três horas após o encerramento da votação, 70,48% dos telegramas haviam sido digitalizados, transmitidos e enviados para o sistema. À meia noite haviam sido processados 96,08% dos telegramas e já se sabia o resultado das eleições na Argentina.

Transparência foi essencial

Os fiscais dos partidos políticos puderam acompanhar de perto todo o processo da apuração provisória. Devido à transparência e à rapidez com que os resultados foram processados e anunciados, os principais candidatos aceitaram publicamente os resultados poucas horas após o encerramento da votação.

“Temos o prazer de ajudar as autoridades argentinas nesta importante eleição. A tecnologia provou ser uma ferramenta útil para gerar resultados oportunos que proporcionam tranquilidade aos setores políticos e à população em geral ”, disse Antonio Mugica, CEO da Smartmatic.

Participação em peso

Segundo dados das autoridades, a participação superou os 80%. Os argentinos escolheram entre quatro candidatos a chefe de governo e seis chapas para presidente e vice-presidente. Nas províncias de Salta, Chaco, Santiago del Estero, Entre Ríos, Caba, Neuquén, Rio Negro e Terra do Fogo, 72 candidatos a senadores concorreram e, em nível nacional, 595 candidatos a deputados.

A Smartmatic forneceu tecnologia tanto na fase de transmissão quanto para contar e difundir os resultados provisórios das eleições em todo o país. Mais uma vez, os telegramas foram transmitidos diretamente a partir de mais de 10 mil estabelecimentos de votação para o centro de informática, onde 1.700 operadores treinados digitaram e carregaram os resultados no sistema.

“Devido à velocidade e à precisão com as quais foram anunciados e publicados os resultados, a campanha de desinformação sobre a tecnologia perdeu força e foi facilmente desacreditada. Os argentinos reconhecem como muito positivas as inovações introduzidas pelas autoridades para eleições mais eficientes e mais transparentes”, completou Mugica.

A Smartmatic participou deste ciclo eleitoral de 2019 depois de vencer duas concorrências públicas internacionais nas quais participaram empresas especializadas.

Prevê-se que, como nas eleições Primárias Abertas, Simultâneas e Obrigatórias (PASO) de agosto, a apuração provisória seja muito precisa. Nas PASO, a diferença entre a apuração provisória e a apuração final não excedeu 1% nas diferentes províncias argentinas.

COMENTÁRIOS